Ideias à solta

Palavras ao a(o)caso, by Carla Vieira Santos

Janeiro 7, 2021

Bruma

Observação inóspita do mar,
como se pela primeira vez o visse…
Encadeada pela luminosidade envolvente
numa nebulosa visualização da realidade.
Ofuscada pela inquietação,
resguardo as asas.
Um apelo me é feito pela aragem,
prometendo correntes tépidas favoráveis.
E um rompante enérgico
me atordoa os sentidos…
E uma dúvida incessante torneia os meus pensamentos…
Da mesma forma que decidimos aquietar,
o que nos retém para levantar voo?
Inspiro a maresia em bruma,
alimentando a coragem que se forma
em gotículas agregadoras de impulso.
Giro em torno do meu centro,
revejo tudo o que fui,
absorvo o que sou,
perspetivo o que serei…
Exercito a imaginação no planeamento,
equaciono a fração de segundo
que me separa do agora e do porvir…
A envergadura dos sonhos
interliga-se com as asas do livre-arbítrio.
Em liberdade vou,
senciente!

Carla Vieira Santos

    Escreve aqui o teu comentário

    Parcerias