Clube de Leitura - Livros à Sexta

A ‘renovação’ de Livros à Sexta

Dezembro 22, 2020
Clube de Leitura Livros à Sexta

Este ano não fizemos a tradicional festa de Natal do Clube de Leitura. Resolvemos renovar a tradição, já que os novos tempos assim o exigem. As trocas do amigo secreto (desapego de livros e envio de felicitações natalícias em postais fofinhos) seguiram pelo correio e, na passada sexta-feira, marcámos encontro no Zoom para celebrar o nascimento do menino Jesus e trocarmos ideias sobre o tema de leitura deste encontro, escolhido pela miúda Luísa Lavado – Renovação. Vestimo-nos a rigor e de olhos postos no ecrã lá estivemos numa conversa animada de quase duas horas. Sentimos a falta da Amanda Lopes (autora brasileira que se ia juntar a nós, não fosse a chuva de São Paulo e um compromisso que se atrasou). Houve tempo para unpackings do amigo secreto; para a apresentação do novo animal de estimação da Vanda Lima, que devora literalmente enciclopédias; para recebermos de coração aberto uma nova leitora, a Sónia Lopes e para um pedido especial ao senhor das barbas brancas: Como as meninas do Clube de Leitura “Livros à Sexta” (atualmente somos só meninas) portaram-se muito bem ao longo deste ano, pedimos ao Pai Natal que o encontro de janeiro seja ao vivo, no Quiosque Rocha do Inferno com a Marta Martins Silva, autora do livro Madrinhas de Guerra. Pelo sim, pelo, não, vou deixar junto à minha árvore de Natal, no dia 24, bolachas e uma caneca de leite com chocolate…

Foram muitos os livros que desfilaram neste encontro natalício. E por incrível que pareça todos se encaixaram na temática (como já vem sendo habitual). A ginástica criativa que estas leitoras fazem para  trazerem para a luz da ribalta aquele livro que querem ou estão a ler, é merecedora de aplausos! Eu faço o mesmo! Desta vez, foi um tripo mortal encarpado!

Há quem veja renovação na manteiga que ficou colada no rabo de um personagem que está num barco, no Tamisa. Há quem sinta renovação latente na menina que vende azevinho. Há quem pressinta a renovação numa relação de uma recém-acidentada e num sem-abrigo que tem um cão apreciador de histórias. Há quem se renda à renovação de um personagem que descobre uma outra parte de si. As mais aventureiras encontram a renovação num livro de receitas (que promove um estilo de vida mais saudável) ou num vilão que é um artista e que dedica a sua vida a criar próteses para pessoas deformadas.

Para a amante de policiais, a renovação foi facilmente detetada  numa mulher que se separa de um marido violento. Mas há quem defenda que a renovação pode estar num livro que, há muito, vive esquecido na prateleira da estante. Há quem acredite que a renovação existe nas páginas que abre ao calhas e que lhe oferecem um conselho e uma reflexão por dia.

E quando alguém te surpreende ao encontrar a renovação numa mercearia que abre todos os dias das oito da manha à meia-noite? É um verdadeiro salto com meia pirueta!

Uma short story que acontece numa noite pode revelar a renovação entre uma mãe e um filho. E depois há uma miúda que viu a renovação na página do horóscopo e foi a correr buscar o livro que revela uma ideia de morte bem diferente daquela que é encarada pela indústria funerária ocidental. A minha renovação? Encontrei-a numa livraria.

Agora vou preparar o pão-de-ló para a mesa de Natal, já que ontem me ofereceram o livro Receitas da Maria. Talvez o consiga encaixar na próxima temática do Clube de Leitura 😉

Rosarinho

    Escreve aqui o teu comentário

    Parcerias