Ideias até ao infinito

Uma miúda aprendiz de… corte e colagem

Dezembro 1, 2020

Quando o mundo (ou um raio de um vírus) te fecha em casa, há que encontrar soluções para ‘matar’ o tempo, já que ainda não conseguimos matar o vírus. E é claro que há sempre os livros, séries de TV para acompanhar (apesar de, neste momento, estar entre temporadas de algumas das minhas favoritas dos últimos tempos), experiências culinárias para testar e treinos para fazer, claro, mas chega um momento em que parece que estamos na rodinha do rato e já estamos a repetir vezes sem conta as mesmas coisas.

E foi num desses momentos que olhei com outros olhos para as colagens que a Rosarinho faz (com as quais já tenho sido presenteada algumas vezes) e pensei: por que não experimentar? Sempre é uma maneira diferente de me entreter, ou mais uma, entre proibições de circulação na rua e recolhimentos obrigatórios.

E não é que lhe apanhei o gosto?! Quando dou por mim, passei uma tarde inteira a folhear revistas (até porque as há “aos montes” cá em casa), a dar tesouradas e a preparar composições que se vão formando nesta cabecinha… e acredita quando te digo que tem sido um ótimo exercício de criatividade (que andava em baixo por estes lados)! Além de que é uma forma de colocar em prática um dos R fundamentais do movimento ambientalista, o da Reutilização!

Agora, é claro que esta miúda está ainda num nível de Aprendiz, não de feiticeira, mas de movimento de Corte & Colagem, e com uma mestre e inspiração como a Rosarinho, eu chego lá! E gostei tanto deste ‘título’ [de Aprendiz] que acho que vou referir-me à minha pessoa assim, pelo menos nos próximos tempos.

Portanto, por estes dias, na minha mesa de trabalho e ao lado do Pai Natal e de outros apontamentos natalícios, há tesoura, x-ato, tubo de cola, cola com purpurinas, autocolantes e todo um mundo de recortes! Haja inspiração!

Agora tenho de ir, porque neste feriado, como só podemos andar na rua até às 13h, quero ir felicitar a Shanna Boutique por mais um aniversário! E depois de almoço… saiam da frente, que vou desatar à tesourada!

Susana Figueira

    Escreve aqui o teu comentário

    Parcerias