Ideias até ao infinito

Um postal de Natal

Dezembro 23, 2019
mensagem de Natal

Neste Natal, escrevemos um conto. Quisemos muito que as nossas palavras te abraçassem e que iluminassem o teu coração como as luzinhas no pinheiro das nossas salas. Recebe com carinho estas palavras embrulhadas em papel de jornal e rematadas com um laçarote vermelho de veludo.

❤❤❤❤❤

Ela entrou apressada no elétrico.
Pagou o bilhete e procurou um lugar. Pelo vidro observava o vaivém das pessoas. Faltavam poucos dias para o Natal. A noite começava a vestir a cidade e as luzes acendiam-se iluminando o seu coração. Como ela gostava desta época: os cheiros, as montras engalanadas, o Pai Natal que ao seu colo embalava as crianças num sonho de amor, os pinheiros das casas cheios de enfeites de hoje e do outrora.

O seu olhar captava a vida para além daquele elétrico. O seu coração estava quentinho, aconchegado no espírito de Natal. Um coro animava uma rua que se encheu de gente daqui e de gente de lá. Procuravam nos cânticos a harmonia de dias felizes. Ela sorriu. Teve vontade de trautear a música, mas a vergonha conteve-a.

Da mala tirou um livro. Abriu-o. Solto, nas páginas cheias de histórias, um postal de Natal sorriu-lhe. Era mesmo bonito. Daqueles que já não se veem nas lojas. Hoje, a tradição já não é o que era. Os sms, as mensagens de e-mails e o WhatsApp encurtam as distâncias, mas tornam tudo mais impessoal.
Foi difícil encontrar um postal tão bonito quanto o que tinha nas suas mãos. Observava-o com um brilho no olhar. Percorreu quilómetros para o encontrar. Mas todos os passos valeram a pena. Já sonhava com as palavras que iria escrever, desenhadas de emoções. Ansiou por chegar a casa.

Relembrou o momento em que os seus olhos pararam felizes nas cores e nos brilhos daquele postal de Natal. Cansada e já sem esperança nem queria acreditar, quando ele, perdido no meio de uma confusão de felicitações de casamentos, batizados e aniversários a espreitou timidamente. Como se estivesse toda uma vida à sua espera. Perdida nestes pensamentos triunfantes quase falhou a sua paragem. Colocou o gorro, calçou as luvas, saiu do elétrico apressada.

Calcorreou os poucos metros que separam a paragem de elétrico da entrada da sua casa. Abre a porta do prédio, um edifício seiscentista, remodelado, de somente três andares. Sobe a escada em pedra até ao segundo piso. Procura a chave de casa na mala, encontrando-a no tempo que lhe pareceu uma eternidade.

Abriu a porta. Baunilha, o seu gato, sentado à sua espera, como que percebendo a excitação da sua dona. Rodeou-lhe as pernas e foi presenteado com uma festa. Pousou a mala no cabide de entrada, despiu os agasalhos e, sem mais demoras, foi para a cozinha. Colocou água na chaleira a aquecer, um chá quentinho seria a companhia perfeita para o momento mágico por que ansiava.

Da mala voltou a retirar o livro e, por fim, o postal de Natal. Afastou o naperon da mesa, rendado com amor pela sua avó, colocou o seu ‘tesouro’ de um lado e uma base para pousar a chávena de chá do outro e, do escritório, trouxe a sua esferográfica preferida. O destinatário merece.

Na cozinha, a chaleira assobia. A água está quente. Lúcia-Lima pareceu-lhe uma boa opção.

Finalmente, senta-se. Aproxima a chávena do rosto, para sentir o aroma tranquilizador da bela-luísa, primeiro, e só depois lhe toma o gosto. Pousa a chávena e segura na esferográfica. Está preparada para se deixar envolver na magia que é colocar os mais belos sentimentos no papel. E assim começa uma maravilhosa dança de palavras, que vão dando vida, emoção e cor aos espaços em branco do seu belo postal de Natal. O mais belo de todos.

Viveu uma sensação de realização quando terminou de escrever. É o seu coração que vai naquelas palavras. Ela percebe isso. Baunilha também parece perceber. E enrosca-se a seus pés.

Antes de pousar a esferográfica, a sua preferida, finaliza com um profundo e sincero FELIZ NATAL!

Rosarinho & Susana


  • Reply
    António da Silva
    Dezembro 25, 2019 at 3:39 pm

    Lindo como as escritoras.
    Bom e Feliz Natal e que o 2020 traga mais e lindas histórias. Bjs

Escreve aqui o teu comentário

Parcerias