Ideias para a agenda

A dança contemporânea… “Algures a Nordeste”

Setembro 4, 2017
Cartaz Festival de danca contemporanea

Um qualquer dicionário de língua portuguesa nos diz que “dança” é uma “série de movimentos executados com o corpo, de forma
ritmada e coreografada, geralmente ao som de música
“.
Eu acrescentaria “é sentimento”. Porque, para mim,
dançar é expressar sentimentos, emoções, é dizer o que nos vai na alma mas sem
falar. É a linguagem do corpo.
E quando a dança se combina com outra manifestação
cultural, a literatura no caso, propõe-se a colocar a sua linguagem e imagética
ao serviço da divulgação de aspetos do património cultural de uma região.
Algures no Nordeste” é a edição do Festival
de Dança Contemporânea
, que vai buscar inspiração na obra homónima e
emblemática do escritor e poeta António Manuel Pires Cabral, e vai decorrer nos
Teatros Municipais de Vila Real e Bragança.
Entre as duas capitais de distrito, vão decorrer 15
espetáculos
, de entrada gratuita, pela dança de cinco das mais reconhecidas
companhias nacionais, com coreografias de Olga Roriz, Victor Hugo Pontes, São
Castro, Nélia Pinheiro e Daniel Cardoso.
Além dos espetáculos, haverá espaço para workshops
e encontros com os coreógrafos, que carecem apenas de inscrição, bem como
um espetáculo de street dance de Max Oliveira.
O 1.º Festival de Dança Contemporânea “Algures
a Nordeste
” decorre de 9 a 30 de setembro, com a sessão de abertura no dia
6.
O que vos parece? Vamos dançar?

Susana Figueira

Dancarino em palco
A dança é a linguagem do corpo

Dancarinos em palco
“A Ballet Story” ©João_Peixoto


    Escreve aqui o teu comentário

    Parcerias