Ideias até ao infinito

Bons Sentimentos, by Marisa Pedroso

Agosto 25, 2017
Olá a
todos! Hoje, eu e as miúdas do Armazém de
Ideias Ilimitada
, trazemos mais Bons
Sentimentos
, para, juntas, continuarmos com esta missão de comunicar
às pessoas mensagens positivas. 
Para o
desenvolvimento pessoal e espiritual de cada um, é muito importante que o nosso
lado mais criativo e confiante se desperte aos poucos, ao longo da vida. A
ideia de que, quando nos tornamos adultos, temos de ser pessoas sérias, terá de
ficar de lado. Claro que temos responsabilidades e muitas. Mas, despertar o
lado leve e livre que vive em cada um de nós é muito relevante para uma vida
feliz. E é com as pessoas sérias que aprendo, cada vez mais, isso mesmo. Sendo
essas pessoas grandes professores na minha vida. Os pacientes que mais cargas
energéticas carregam são os que mais me ajudam a crescer. 
A
inspiração divina é uma ferramenta impressionante para desenvolvermos o nosso
lado humano, aquele que sente. Como podemos usar essa ferramenta que é tão
preciosa e essencial à vida de todos? Vou dar-te alguns passos para o
fazeres. 
O
Universo fala connosco constantemente e, para sabermos seguir os sinais que a
Vida tem para nos dar, precisamos de estar recetivos a isso. Esse é o primeiro
passo, que, muitas vezes, pode parecer um passo estranho. Na verdade, como é
que a Vida vai falar comigo? Parece algo tão complexo. Precisamos de deixar que
as limitações da mente vivam connosco, aquele lado tão racional que faz parte
de muitos de nós, que está sempre a arranjar justificações lógicas para tudo,
tem de ser ignorado. Temos de  pensar que o “como é que vamos
perceber os sinais”, não nos diz respeito. Temos apenas de nos deixar
ir e confiar. A Vida faz o resto. 
No dia
que disse para mim mesma “já perdi tudo, agora resta-me confiar que tudo
se vai encaminhar, porque de facto não me resta mais nada”, foi
quando passei a apreciar os processos naturais da natureza e me entreguei
à Vida. Não questionei mais e deixei-me ir. Esse é o segundo passo. E que
tantos frutos nos oferece.
O
terceiro passo é notar as coincidências. Se tivermos bem atentos, estamos
sempre a ser encaminhados para determinado lugar, para dada pessoa, para
determinada situação, para um estado de espírito específico… Alguma mensagem
esse acaso nos traz. Mas a nossa mente vai sempre dizer que estamos loucos.
Mas o
que tens a perder? Junta as peças e segue as tuas ditas coincidências. Percebe
o que é que te estão a dizer. Podes pedir ajuda a um terapeuta de
desenvolvimento espiritual. Aprende a meditar. Faz um desporto. Faz alguma
coisa que acalme a tua mente, que te relaxe, que te faça estar num estado de
apreciação. Só assim consegues ouvir-te e compreender o que te
rodeia. Esse é o quarto passo.
Agradece
todas as coisas: por respirares, por teres saído à rua, por teres dito uma ao
lado, por cada refeição, pelo sol, pela chuva. Ri-te de ti, brinca com os
outros, relativiza. 
Nesse
estado de relaxamento e apreciação, conseguimos ser gratos por tudo,
conseguimos desenvolver o nosso lado sensível e sentir a magia. 
Acabamos
por ficar, no dia a dia, mais recetivos à brisa do vento, ao suspiro de
calor, à energia que está no ar. Captamos coisas dos lugares onde sempre
tivemos e que nunca reparámos. Sabias que a magia está onde estamos e nós
procuramos tão longe? Essas sensações são inspirações simples e suaves. São
sensações de ar fresco ou de uma energia boa, a que eu chamo inspiração
divina. São confirmações de que está tudo certo. 
 
Essa fé
traz Bons Sentimentos à Vida de todos, faz sentir coisas incríveis. 
 
Mas é
preciso despertar para isso e mergulhar nos verdadeiros caminhos do Ser. 
Os 5
passos para te deixares guiar:
1 –
Ignora as limitações da tua mente
2 –
Deixa fluir 
3 –
Nota os acasos
4 –
Encontra estados de calma

5 –
Agradece e sente Bons Sentimentos

 
Marisa Pedroso



    Escreve aqui o teu comentário

    Parcerias